Treino pesado pode aumentar o risco de se desenvolver artrose









Paula Radcliffe pode não voltar a correr por causa da artrose


Depois de um treino puxado é comum o atleta sentir dores e perceber inchaços nas articulações. Porém, se as dores persistirem e se intensificarem fique atento: esse pode ser um sinal de artrose.

A artrose é uma doença nas articulações caracterizada pela degeneração da cartilagem, que pode causar dor, rigidez e restringir a funcionalidade do local. Para ser descoberta, basta um simples exame de raios X, que mostrará a gravidade da perda de cartilagem entre os ossos.

Paula Radcliffe- Foi assim que a dona dos três melhores tempos femininos da história em maratonas, Paula Radcliffe, descobriu que teria problemas para treinar. Diagnosticada com a doença, a maratonista afirmou que não sabe se voltará a competir na categoria de elite.

De acordo com uma declaração da atleta ao jornal britânico "The Telegraph" em novembro de 2012, ela não tinha mais cartilagem entre os ossos dos pés e sentia muita dor. A maratonista, que tinha afirmado que tentaria participar da Maratona de Londres neste ano, corre o risco de só poder acompanhar o percurso da televisão do hotel em que se hospedará.

Causas da doença- Porém, segundo a mestre e doutora em Medicina pela USP, Dra. Pérola Grinberg Plapler, é muito difícil a doença ser desencadeada em corredores que treinam sem excessos. "O grande problema é quando o atleta força a articulação e exagera nas atividades", informa.

Além disso, atletas obesos, que forçam demais o seu corpo com o sobrepeso, tendem a ser um grupo de risco. "É um impacto intenso e muito forte em uma única região", explica. A profissional também alerta que o desgaste em corredores tende a aparecer nos joelhos e quadris.

Apesar da incidência da doença em mulheres ser mais frequente, a doutora também explica que não há relação com o sexo, mas sim com a idade. "A artrose aparece mais frequentemente em mulheres acima dos 60 anos, pois há falta do hormônio estrogênio, que as protege do diagnóstico precoce", revela.

Prevenção- Não existe nenhum alimento que possa ajudar a prevenir a incidência da artrose. Porém, bons hábitos alimentares podem ajudar no controle de peso e reduzir a possibilidade de se desencadear a doença.

Procure um fisioterapeuta pra te ajudar na prevenção!

COMENTE ESSE POST

Compartilhe no Google +

0 comentários:

Comente com educação que o seu comentário será aprovado. Participe sempre!